SOCORROCAPIBERIBE.COM.VOCE – FACE A FACE (memórias)

CAPA-pequena

“SOCORROCAPIBERIBE.COM.VOCE”, que é ao mesmo tempo um livro auto-biográfico, onde registro passagens significativas da minha vida, páginas da minha história. Espero que desfrutem dessa leitura e que encontrem nessas páginas algo interessante que mereça sua apreciação e que de alguma forma toque sua alma. É meu desejo que sintam todo amor que dedico à vida e o carinho que lhes devoto, caros leitores, ao convidá-los a caminhar comigo pelos caminhos da minha vida. // E Como no texto de Clarice Lispector, desejo que: ” Consigam me sentir com o coração, para que vocês possam ver o melhor de mim”.
SOCORRO CAPIBERIBE www.socorrocapiberibe.com.br

Leia mais

ARMADILHAS DO CORAÇÃO

armcora

Os personagens permeiam a inspiração, as veias e os verbos de Socorro, que consegue encontrar a expressão simples e perfeita para descrever os pontos altos e baixos da relação impossível. O texto tem a beleza e a força da linguagem simples e precisa. Passa tanta convicção, que seduz o leitor a não interromper a leitura, para não quebrar a cadeia de emoção que suscita. Tem gosto de paixão, o texto de Socorro.

Amparo Caridade (trecho do prefácio)

Leia mais

A VIDA ATRAVÉS DOS CONTOS

avida

Em 2002 a autora publicou o seu terceiro livro: A VIDA ATRAVÉS DOS CONTOS, no qual reune 19 histórias – extraídas da vida real – destinadas ao público juvenil e adulto.”

“É maravilhoso sentir, ao deitar a leveza de uma consciência tranqüila; a paz de um coração aberto ao amor e ao perdão; a felicidade de um trabalho digno para agradecer a Deus, que enobreça o nosso espírito e dê sentido à nossa existência. É maravilhoso, sobretudo, experimentar a satisfação do dever cumprido e buscar que a nossa passagem pela vida não seja em vão.” ( Socorro Capiberibe)

RECIFE, EDITORA UNIVERSITÁRIA – UFPE, 2002 – Prefácio do Escritor e Psicólogo Luiz Schettini Filho.

Leia mais

O FANTASMA DO PÂNICO OU O FUNDO DO POÇO: COMO ESQUECER?

ofantas_g

Em O Fantasma do Pânico ou O Fundo do Poço. Como esquecer, Socorro Capiberibe demonstra, de forma clara e corajosa, a intensidade da dor psíquica que acomete uma pessoa com Pânico, mas, ao mesmo tempo, vislumbra a possibilidade de encontrar a luz, mesmo que no Fundo do Poço, como ela bem nos descreve… Este livro, certamente, servirá de suporte e de ajuda a tantas outras pessoas que convivem com o transtorno do Pânico…

Wilson de Oliveira Jr.
Cardiologista

Leia mais

CONTOS QUE A VIDA ME CONTOU

capa_g2
É maravilhoso passar para o papel experiências vividas, quando estas, de alguma forma, convidam o leitor a viajar no tempo e a refletir sobre temas comuns que envolvem nossas vidas. As histórias aqui contadas nada mais são que “retratos da vida” – entre realidade e ficção – e certamente, em algumas delas, o leitor terá a impressão de ter vivido histórias semelhantes ou ter assistido a algumas cenas aqui descritas

Leia mais

PRIMAVERA NO CAMPO

capa_g
Numa pequena vila perdida entre os campos cobertos de árvores, entre os jardins cobertos de flores, de uma imaginária cidade de interior do Sul do País, no tempo do bonde, das bandinhas tocando nas praças, das retretas e serestas, das tradicionais festas populares de ruas. Num tempo não muito distante, em que a poesia se sobrepunha ao progresso e, que a natureza e os sentimentos mais puros eram cantados em versos pelos poetas e trovadores… Viveram três garotos, três grandes amigos, cujas vidas com suas alegrias e tristezas, fantasias e brincadeiras, sonhos e ilusões, são vividos neste romance: “PRIMAVERA DO CAMPO”.

Leia mais

TANTAS SÃO AS HISTÓRIAS DE AMOR

capa
Todas as histórias de amor podem parecer lugar comum, afinal tantas são as histórias de amor…
Mas, nós também somos lugar comum e, embora as histórias se sucedam e até mesmo repitam o amor é um sentimento maravilhoso, que une pessoas e vence as barreiras dos preconceitos e que tem sempre algo especial em cada história

Leia mais

A ARTE DE CONTAR HISTÓRIAS

artedecontar_g
As palavras tem a alma de quem as diz e trazem o espírito de quem as escreve. Nunca nos separamos do que escrevemos, mesmo que os leitores não identifiquem em nossas palavras as marcas dos seus autores. Há um quê mágico no que se escreve: na palavra que se elege, interpretação de quem a lê. Não é sem propósito que “no princípio era verbo.”

Leia mais

UMA LIÇÃO DE AMOR

capa-uma-licao-amor

Os sonhos não morrem jamais

Os sonhos não morrem…
Tampouco envelhecem…
Por vezes, se escondem…
Se muito adormecem.
São bônus da vida da vida…
Riquezas do ser…
constróem o futuro…
Ajudam a viver.

E, quando, calados…
No peito escondidos…
No fundo da alma…
Quietos esperam…
Não importa o tempo que fiquem guardados…
Que passem adormecidas…
Um dia despertam.

Os sonhos são livres, são jovens, são belos…
São vôos diretos em, busca de paz…
Alimentam esperanças, desejos secretos,
o sonhos são eternos, não morrem jamais.

Leia mais

AMPARE 10 ANOS – Ducumentário 10 anos

capa (1)

Há 10 anos fui testemunha do lançamento da AMPARE, por Socorro Capiberibe. Escritora, Poetisa e militantes, e sobretudo uma pessoa sensível, aglutinou sua família, Wilson Oliveira Jr. e tantos outros para criar uma instituição para AMPARAR as pessoas portadoras de síndrome do pânico. Dr. Ricardo Paiva

Dr. Ricardo Paiva

Leia mais

DE GERAÇÃO A GERAÇÃO

capa

O livro reúne uma coletânea de poesias em diferentes estilos e épocas, revelando a veia poética de quatro gerações – pais, filhas, netos e bisnetas -, e representa um legado a todas as folhas dessa árvore genealógica, para que guardem a memória de seus poetas, compartilhando-o com o público amante da poesia.

Os Autores:
Severino Cândido Marinho (em memória) – Meu Avô
Maria Ruth Marinho Capiberibe – Minha Mãe
Maria do Socorro Capiberibe Maia – Eu
Luis Filipe Marinho Capiberibe – Meu irmão
Mariana Capiberibe Maia – Minha Filha
Maria Eduarda Capiberibe Moreira – Minha Sobrinha
Lara Capiberibe do Amaral – Minha Sobrinha
Antonio Alberto Marinho Nigro (Prefácio) – Meu Primo

Leia mais